24 Junho, 2021

GreenVolt anuncia a sua intenção de cotar na Euronext Lisboa

A GreenVolt - Energias Renováveis, S.A. anunciou hoje a intenção de proceder a uma Oferta Pública de Venda de cerca de € 150M dirigido a investidores qualificados. Em simultâneo será realizado um aumento de capital reservado no valor de 56 milhões de euros, destinado à concretização da aquisição da totalidade do capital da V-Ridium.

A GreenVolt solicitou a admissão à negociação das suas ações ordinárias na Euronext Lisbon, tendo o Grupo Altri assumido o compromisso de permanecer como acionista maioritário da empresa.

João Manso Neto, CEO da GreenVolt, comentou a este próprósito: “Após mais de 20 anos de história de constante evolução que transformou a GreenVolt no que é hoje, a empresa continua totalmente comprometida com os princípios de criação de valor para os acionistas, pessoas e para a sociedade de forma sustentável.

A OPV da GreenVolt tornará mais visível o seu valor, que será partilhado com os investidores, ao mesmo tempo que proporciona à empresa uma maior independência de capital para continuar a cumprir as suas ambições de crescimento.

O nosso acionista Altri, o Conselho de Administração e eu próprio acreditamos que esta será uma oportunidade única para os investidores participarem na estratégia de consolidação da nossa principal atividade de biomassa e no nosso plano para abordar o crescente mercado europeu de energias renováveis ​​por meio de um grande player pan-europeu. ”

A GreenVolt é o operador líder de energia de biomassa em Portugal com uma quota de mercado de 48%, detendo um portefólio altamente eficiente de cinco centrais de biomassa com 98 MW de capacidade instalada, e que gerou 732,6 GWh em 2020, operando com níveis de eficiência acima da média do mercado (93,6%  de disponibilidade).

A Empresa pretende ainda concluir a aquisição da Tilbury Green Power Holdings Limited, uma central de biomassa de última geração localizada no Reino Unido, e que conta com 43,6 MW de capacidade instalada, como parte da sua estratégia de consolidação europeia.

Através da V-Ridium, a GreenVolt apresenta-se já uma das maiores empresas europeias em energia solar fotovoltaica e eólica onshore, com uma plataforma pan-europeia com um pipeline de cerca de 3,6 GW, dos quais ~ 1,5 GW9 estão atualmente em construção, prontos para construir (RTB) ou em fase avançada.